Fonte Jornal do Sudoeste
São Sebastião do Paraíso – MG

 

 

 

 

 

 

 

 


 

O Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais (INPAR) e o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Sebastião do Paraíso (Sempre), juntamente com suas Federações e Centrais Sindicais planejam uma ação conjunta, com manifestação à porta da Prefeitura programada para próxima sexta-feira, (14/8), a partir das 10h.

 

O secretário do Sempre, Rildo Domingos Silva, informou que a Câmara de São Sebastião do Paraíso solicitou à operadora do plano de saúde Ampara, que aguarde mais uma semana a fim de o instituto possa negociar seus débitos de mensalidade.

 

Ampara havia dado um prazo até segunda-feira, (10/8), para que tais débitos fossem quitados, sob a penalidade de a operadora cortar os atendimentos médicos aos aposentados. Essa pendência existe porque com a falta de pagamento aos aposentados, os descontos também não estão sendo feitos, portanto não há repasses à Ampara.

 

Também na segunda-feira mais de 80 aposentados foram ao Fórum procurar uma solução junto ao Ministério Público (MP) sobre o impasse do cheque recebido no período da manhã da Prefeitura, em pagamento à folha de junho. Os aposentados se cadastraram no Fórum para que uma futura ação judicial possa ser aberta, caso acreditem ser necessário.

 

O cheque foi feito pela Prefeitura nominal ao Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais (INPAR), com o nome do aposentado no verso. Isso gerou uma série de dúvidas, sendo que os assegurados não poderiam descontar e nem depositar o cheque sem o endosso (assinatura) do presidente do Instituto, Rildo.

 

O MP orientou para que o endosso fosse feito e, assim, o pagamento seria liberado. O procurador jurídico do IN PAR, Marco César de Carvalho, explicou que o instituto continua devedor nos seguintes casos: os segurados de licença por caso de doença e ainda deve aos convênios, como por exemplo, a Ampara. “Apesar disso, o município continua descumprindo ordem judicial, que determina que o repasse seja total ao INPAR, até o dia 20 de cada mês, e assim é feito o pagamento aos aposentados. O MP deve apurar o porquê de o município ter optado por essa forma de pagamento feita nesta semana, com cheques individuais”, explicou o advogado. Há pendência também da folha do mês de julho.

 

Rildo disse que a preocupação do INPAR era liberar o cheque para que os aposentados pudessem receber. “Posteriormente, diante de como os fatos se desenrolarem, o procurador jurídico do instituto estará desenvolvendo novas ações. Colheram as assinaturas dos aposentados, pois haverá um andamento da questão jurídica para apurar eventuais responsabilidades”, disse.

 

A presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Sebastião do Paraíso (Sempre), Maria Reja-ne Tenório, disse que ainda é preciso continuar lutando pelo pagamento da folha de julho. “Não entendi porque o Executivo fez o pagamento dessa forma e ainda não está resolvendo a situação. O pagamento de junho foi parcial, com humilhação total para os aposentados e o mês de julho não tem previsão de pagamento”, ressaltou Rejane.

Leia a matéria na ítegra:
http://www.jornaldosudoeste.com.br/noticia.php?codigo=8549




 

 

 

 

 

 

 

 

Publicada em 12/08/2015 às 07:43:00

 

 

MANIFESTO

SEMPRE e IMPAR planejam manifesto para sexta-feira

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais e Região Sudoeste

Filiado:

Visite Outros:

SEMPRE - SUDOESTE - Sindicato dos Servidores Públicos Municipais​
35 - 3558 - 1717
sempressp@hotmail.com​
Rua Pedro Gomes do Nascimento n° 55 | São Sebastião do Paraíso-MG | Brasil